• Image and video hosting by TinyPic

As semanas que antecedem a E3 são sempre as melhores para o mundo dos jogos, pois a quantidade de informações vai aumentando e elas, em sua grande maioria, ainda são rumores, o que nos deixa cada vez mais ansiosos para o evento de Los Angeles. Mas poucas vezes eu vi algo tão grande como estou prestes a escrever nesta publicação, pois ao que tudo indica a Sony pretende mudar a indústria de jogos de uma forma que jamais imaginávamos.

Lógico, antes de tudo é sempre bom lembrar que este texto é baseado em rumores e especulações, além de possuir uma enorme quantidade de opiniões pessoais. Mas como acompanho o mercado, diariamente, a mais de dez anos, posso dizer que a minha análise, se for confirmada, mudará a nossa forma de jogar e pensar videogames. Esta análise se baseia em uma ideia que não compraremos nenhum PlayStation 4 ou Xbox 720, simplesmente porque não será necessário.

Tudo começou quando Nanea Reeves, chefe do Gaikai, disse que esta E3 será a mais importante da história do evento, principalmente porque a sua empresa anunciará uma parceria com uma grande produtora de jogos. Além disso, Reeves vai mais a fundo e choca a todos ao dizer que não veremos nenhum console de próxima geração, não apenas neste evento, mas por pelo menos mais alguns anos. Mas perai, quem é Reeves e que empresa é essa Gaikai? Para quem não sabe, o Gaikai é uma empresa que oferece serviço de jogos nas nuvens, ou seja, entrega ao usuário, via streaming, os seus jogos desejados e todo o processamento é feito nos servidores da empresa. Com isso, nem todo mundo precisa de um super computador para jogar um jogo de última geração, dependendo apenas de uma conexão veloz com a internet.

Ao dizer que a Gaikai anunciará uma grande parceria na E3 deste ano, Reeves indicou uma mudança drástica na forma que jogamos e muito mais do que isso, mostrou que uma nova geração de hardwares é dispensável.

imagem


Todos nós sabemos que a Sony sempre pensou em um ciclo de vida de pelo menos 10 anos para o PlayStation 3 e depois das notícias de um acordo com a Gaikai, tenho cada vez mais certeza que o PlayStation 4 não chegará tão cedo como imaginávamos. Só que a Sony está passando por dificuldades financeiras sérias e precisa, urgentemente, fazer dinheiro e ao mesmo tempo, diversos rumores indicam que a empresa mostrará sim, um novo hardware na E3 deste ano.

Mas eu acabei de citar uma frase do chefe da Gaikai dizendo que não veremos o PlayStation 4, mas também disse que rumores indicam a chegada de um novo hardware. Que hardware seria esse? Bem, o nome eu não sei, mas seria um console PlayStation totalmente baseado no streaming de jogos. Um console barato, que acompanharia um controle, uma câmera e um Move, junto com um serviço de assinatura anual. Dentro deste console teríamos apenas o hardware necessário para conectar o jogador ao conteúdo da Gaikai, como se fosse um PlayStation Light. Não podemos deixar de citar o serviço criado pela Microsoft nos Estados Unidos, onde os usuários pagam apenas 99 dólares por um Xbox 360 e ao mesmo tempo são atrelados a um contrato de dois anos com mensalidades fixas., será que a Sony não está pensando em alguma estratégia para entrar neste mercado?

O mais interessante do "PlayStation Light" é que todos os seus serviços poderiam ser acessados de qualquer PlayStation 3, como parte da sua assinatura da PlayStation Plus. Com uma simples atualização, você teria um aplicativo que daria acesso a todos os jogos do Gaikai, via streaming. Voltando para a parte financeira da coisa, vale lembrar que jogos dão retorno imediato à Sony enquanto consoles levam anos para se tornarem rentáveis, com um "PlayStation Light" o custo seria muito baixo e a venda de jogos aumentaria drasticamente, bem como o de assinaturas e com isso a empresa conseguiria aumentar o seu faturamento.

E o PlayStation 4? Bem, rumores não faltam dizendo que este novo hardware que será anunciado no evento é o PlayStation 4. Estes rumores não se baseiam nas declarações de Reeves e sim em outros contatos com fornecedores, fabricantes, etc? Ao meu ver, este console realmente existe, só que não deve chegar ao mercado antes do segundo semestre de 2013. Ele seria destinado a um público diferenciado, que estaria disposto a pagar mais caro por um hardware de última geração, que ainda utilizaria jogos em mídia física (Blu-Ray) e processamento interno.

imagem


Até agora, tudo parece bem tranquilo, teríamos então um novo console "light" com um serviço que seria acessado pelo PlayStation 3 e dentro de 18 meses um novo console. O fato é que outros rumores estão dizendo que os jogos do PlayStation 4 poderiam ser jogador, via streaming, no PlayStation 3. Ou seja, uma nova geração sem necessariamente um novo investimento em hardware.

A Sony poderia fazer então seu novo console e colocar o preço que desejar ? muito, muito, muito caro ? para vender apenas para o público que realmente quer comprar um novo hardware. Todos os demais poderiam acessar o conteúdo de última geração pelo PlayStation 3, exatamente como o Gaikai faz.

Para completar o meu pensamento que um anúncio bombástico como esse pode realmente ser feito, levo em conta os seguintes fatos: A empresa revelou antes da E3 diversos novos jogos como LittlebigPlanet Karting e God of War: Ascension, que poderiam muito bem ser anunciados no evento. Porque será que a Sony está anunciando tudo antes da hora? Mais claro do que isso, são as contínuas manutenções da PlayStation Network. Que diabos está acontecendo com a rede do PlayStation? No meu ponto de vista, um trabalho muito grande está sendo feito para que um anúncio como este seja realizado durante a E3 e lançado no mesmo dia.

Depois de tantas possibilidades, eu assumo que posso estar errado e provavelmente estou, mas imaginar um serviço de streaming que entregaria jogos da próxima geração no PlayStation 3 (e porque não no PlayStation Vita), faria muito sentido para o negócio, mesmo que ainda não faça muito sentido para os jogadores.

Youtube eletrônica

Loading...